Perfil de uma liderança

Cláudia Maria Beretta. Foto: Arquivo pessoal.

Uma profissional que lidera atualmente 21 colaboradores na Assessoria de Comunicação e Marketing do Senac-RS. Cláudia Maria Beretta tem 44 anos, casada, dois filhos, formada em Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propagando pela PUCRS, Pós-graduada em Marketing pela ESPM-Sul, mestre em Comunicação pela Unisinos, atua há quase dez anos na instituição. Cláudia mostra um pouco da sua experiência como gerente de Comunicação e Marketing. Confira:

Há quanto tempo você atua na área de marketing?

Comecei com 20 anos, portanto, estou há 24 anos atuando na área. Formei-me aos 21 e comecei a trabalhar aos 20.

Você se vê aplicando no ambiente profissional o que foi aprendido na teoria?

Sim, eu considero a teoria muito importante, ela embasa as práticas.

Você acredita que há preconceito com a área da comunicação? Qual a importância dela para uma organização?

Eu acredito que não há preconceito com a área, mas temo pelos maus profissionais. Em todas as organizações que trabalhei sempre foi uma área muito importante, cabe aos profissionais trabalhar para que seja assim.

Enfrentou muitas dificuldades em sua carreira?

Sim. Penso que muitos são os desafios na nossa trajetória profissional, que são de ordem técnica e comportamental. O aprendizado é diário.

Como é liderar um setor de marketing de uma empresa?

Muito desafiador. Objetivos e metas são importantes. Também há a atualização frente às novas mídias, tecnologia, novos softwares e novos formatos. Além do desenvolvimento das pessoas e o volume de trabalho.

O que um profissional deve ter para atuar na área de marketing?

Conhecimento técnico, ser pró-ativo, dinâmico, interessado em novas tecnologias, motivado e curioso.

Que mensagem você deixa para os futuros atuantes nessa área?

É um desafio maravilhoso transformar ideias em campanhas, releases, projetos, estratégias, e conquistar, manter e fidelizar clientes. Não desanimem nas primeiras dificuldades e estudem muito, pois assim irão se diferenciar.